Destaques da África – Parte I

by

Leitores! Depois desta Cobertura Especial durante a Copa do Mundo, o Copa em 3×4 vai voltando ao normal, com posts às segundas, quartas e sextas. Ainda vamos abordar alguns assuntos relacionados ao mundial da África do Sul, mas aos poucos vamos voltando às curiosidades dos álbuns, que é o verdadeiro intuito deste blog. Como a Copa acabou, futuramente algumas mudanças no nosso projeto editorial deverão ser feitas, podem aguardar.

Como é de praxe, após a Copa a FIFA distribuiu prêmios individuais aos jogadores. E já que elegemos os melhores e piores em cada partida, resolvemos fazer uma premiação final também. Serão 13 categorias, divididas em dois posts. Aí vão as sete primeiras. Opinem!

Figurinha de Ouro: Os dois autores deste blog vibraram muito quando saiu a notícia de que Diego Fórlan havia sido eleito o Craque da Copa do Mundo. Justiça foi feita. Com as grandes estrelas do futebol pipocando vergonhosamente no mundial, o uruguaio foi o jogador mais decisivo do torneio. Marcou bonitos e importantes gols, fez belas jogadas, e o mais importante: foi o líder de uma seleção na qual poucos acreditavam e acabou chegando às semifinais. Sneijder e Villa, que também foram decisivos e chegaram à final, eram os mais cotados para o prêmio. Mas, como poucas vezes no futebol, a sensatez prevaleceu. GRAÇAS A DEUS.

Zé Bonitinho: Pique, Torres, Canavarro etc… Vários jogadores foram “Escolha do Ricky” aqui no blog, eleitos pelas meninas os mais bonitos das partidas. Mas nenhum jogador, nenhum mesmo, é tão bonito quanto ele: GERVINHO. A ironia é meio óbvia, mas o jogador mais legal da Copa merece uma homenagem. Além da aparência SENSACIONAL, o cara mostrou que sabe jogar! Boa Gervinho, até o próximo mundial!

Paredão: Todos os programas de TV fizeram a mesma piadinha, mas nós precisamos repeti-la. O melhor goleiro da Copa vestiu a camisa 9. O nome dele é Suarez. Meteu a mão na bola no último minuto, foi expulso, mas deu ao Uruguai uma última chance de ir às semifinais. E o que parecia impossível aconteceu: Gana perdeu pênalti e, na decisão por pênaltis (oooolha só…) a Celeste se classificou. E ainda tiveram uns idiotas que o vaiaram, todos cheios de moralismo… É cada uma, viu.

Patriota Chorão: No meio do hino da Coreia do Norte no jogo contra o Brasil, a câmera focaliza um cara chorando de soluçar, igual a uma criança. Era Jong Tae Se, o ROONEY ASIÁTICO. Só de ter esse apelido ele já merecia um prêmio. O choro patriota rendeu esta singela homenagem do Copa em 3×4. No mesmo jogo, Maicon quis roubar o troféu do “Rooney”, mas o choro era mais de alívio do que qualquer outra coisa…

Nome da Copa: Tshabalala. Tshabalala. Tshabalala. Esse nome é demais. Daqui a alguns anos, nosso país dará as boas vindas a alguns Tshabalalas brasileiros. Serão filhos de fãs de Copa do Mundo.

Eu virei um ninja do Mortal Kombat: Eles não sabem brincar. Eles são discípulos do Lindomar, o Sub-Zero brasileiro (veja neste link). O holandês De Jong simplesmente  APLICOU uma VOADORA NO PEITO DO ADVERSÁRIO em plena final da Copa do Mundo. Nas semifinais, Cáceres, do Uruguai, deu uma BICICLETA NA BOCA do marcador. CLÉBÃO, ex-Palmeiras, é fichinha perto desses caras.

Me engana que eu gosto: ATENÇÃO – Prêmio dedicado à maior enganação da Copa. Se você é fã de jogadores metrossexuais, não continue a ler este tópico, você pode se irritar.

Se quisermos listar as decepções dessa Copa, vamos escrever um post de umas quatro páginas. Teve Rooney, teve Kaká e mais um monte (o Messi não, ele até jogou bem). Então vamos focar na maior enganação do futebol mundial na atualidade. Senhoras e senhores, mais uma vez, aparece aqui no blog ele: CRISTIANO RONALDO. Em fazer jogadinha bonitinha para a câmera ele é mestre. Em ficar olhando pro telão para ver a si mesmo ele é gênio. Agora, jogar um futebol objetivo (sem abandonar a habilidade e arte), coletivo, com garra e vontade… NAAAADA. Ver esse cara ser chamado de craque só faz engrossar o coro: VOLTA, ZIDANE.

3 Respostas to “Destaques da África – Parte I”

  1. Leonardo Oliveira dos Santos Says:

    Caros amigos do copa 3×4,
    Me chamo Leonardo, e como vocês sou fanático por álbuns de figurinhas, tenho o da copa de 1958, 2006 e 2010, e os do campeonato brasileiro desde 2003 menos o de 2006, além de ter o álbum OS MAIORES CLUBES DO MUNDO DE 1979 da Revista Placar, se quiserem alguma ajuda estou a disposição para ajuda-los a manter este blog, meu e-mail para contato está abaixo:
    leo.olisantos@globomail.com

  2. Iuri Says:

    Ahhhh sacanagem com Fórlan e tds os outros que JOGARAM bola dizer q messi até jogou. O cara num fez um gol. O que se esperava dele era que ele levasse a Argentina até a Final. E talvez no primeiro ou segundo desafio que teve pipocou. Contra Nigéria, Coréia do Sul e México até eu jogo bem. Piada essa ai do messi neh!

  3. Octávio Says:

    O Messi? Jogou bem? Pelo amor de deus. Não jogou nada. Estava lá pra marcar gols, não marcou…mas o pessoal ainda o defende simplesmente porque não perde um jogo do Barcelona com aqueles narradores puxa saco do Esporte Interativo, aposto que vão dar volta no shopping com aquela camiseta amarela do Barça com o nome dele estampado atrás. Enfim…

    O Zidane era bom jogador, mas nunca vi um bom jogador tão apático e indiferente. Não tinha alegria nenhuma em jogar, parecia que estava ali simplesmente por obrigação … ainda prefiro jogadores que fazem do futebol uma arte. Eles não apareceram nesta Copa, é verdade, por isso tivemos uma Copa do Mundo como a da Alemanha, de equipes defensivas e jogos chatos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: